fbpx

Bem-Vindo ao Blog da Artsoft 

Tudo sobre Gestão e Sistemas para Pequenas e Médias Empresas

A importância do planejamento e controle de produção (PCP) na logística

O Planejamento e Controle de Produção (PCP) é uma das ferramentas mais relevantes para uma indústria que deseja aprimorar sua logística e aumentar sua competitividade no mercado, já que ela traz benefícios como melhores os resultados, minimização de custos, redução de desperdícios, entre outras vantagens de curto ou longo prazo.

Com a leitura desta publicação, um gestor de uma indústria entenderá o que exatamente é o PCP, como implementá-lo e aproveitar de seus benefícios. Consequentemente, ele conseguirá aumentar a eficiência da sua organização. Acompanhe!

O que é e para que serve o planejamento e controle de produção (PCP)?

O Planejamento ou Plano de Controle de Produção é um sistema de gestão que envolve todas as operações desenvolvidas na indústria. Ele organiza qualquer tipo de demanda de produção na supply chain (cadeia de suprimentos) e direciona para o chão de fábrica executá-las.

Outra de sua funcionalidade é o de controlar a execução do programa criado, o que é feito ao garantir que ele seja padronizado e consolidar suas informações no sistema de gestão utilizado pela organização.

Com isso, podemos afirmar que o PCP proporciona uma melhor conexão entre o chão de fábrica e a mesa diretora, permitindo que esse último gerencie melhor os recursos utilizados e as atividades desempenhadas pelos primeiros.

Como funciona e quais são as diretrizes desse sistema?

Primeiro, os gestores devem entender que o PCP não é de responsabilidade somente de uma área da indústria, mas de todos os indivíduos ligados à produção. Isso significa que a sua implementação deve ser feita em conjunto com todos os setores, determinando as responsabilidades de cada colaborador.

Em razão do CPC impactar todo o negócio e atender a qualquer tipo de demanda — seja política de estoque, análise de reposição, pedido de venda, entre outras —, suas funções abrangem três diretrizes que serão explicadas a seguir.

Planejamento

Consiste na definição de cada demanda que deverá ser atendida pela produção. Além disso, é estabelecido como acontecerá esse atendimento dentro do horizonte do plano e quando os bens serão produzidos.

Programação

Trata-se da indicação dos recursos que são utilizados em cada operação, desde o começo do fluxo produtivo até a sua finalização. Isso feito com base na capacidade de produção da indústria e priorização.

Controle

Aqui é feito o monitoramento das atividades por meio a coleta de dados das atividades produtivas e feedbacks do chão de fábrica. Essas informações são relevantes para que os gestores saibam mais precisamente a quantidade de recursos necessários para produção, bem como identifiquem pontos de melhoria e erros ou desvios.

Também é possível verificar outros pontos, como o leiaute da fábrica, a quantidade de bens a serem produzidos, mapeamento das etapas do processo e delimitação de quais atividades serão manuais ou automatizadas.

Quais são as principais vantagens do PCP?

Implantar o PCP assegura vantagens à indústria de forma generalizada, ou seja, alcança todos seus setores, o chão de fábrica e a mesa diretora. Entenda quais são eles a seguir.

Integração de setores

Quando as diferentes áreas de uma indústria operam de forma separada — sem estarem interligadas —, a ocorrem muitos gargalos, entraves e problemas. Isso acontece, por exemplo, quando o vendedor tenta realizar a venda de um produto, mas não sabe se tem ele no estoque ou a quantidade suficiente solicitada pelo cliente — o que é chamado de ruptura de estoque.

Powered by Rock Convert

Entretanto, o PCP deve ser seguido pelos colaboradores de todas as áreas do negócio. Ele centraliza as informações, traz uma conexão fluida e faz com que todo o pessoal trabalhe com maior sinergia. Graças a esse benefício, é possível alcançar as metas de receita, eficiência e custo com mais facilidade ou até mesmo ampliá-las.

Melhor acompanhamento da produção

Não é fácil monitorar todas as ordens de produção em uma indústria, sendo crucial ter um controle bem estruturado e amplo sobre todas as áreas. O PCP possibilita que os gestores acompanhem de perto as atividades produtivas, quando ocorrem e qual é a ligação entre elas.

Aprimoramento da tomada de decisões

Graças ao controle mais amplo e preciso do fluxo produtivo, os gestores terão dados reais, transparentes e relevantes sobre o negócio. Com isso, eles poderão tomar melhores decisões para aumentar a eficiência do negócio.

Imagine que um determinado setor sofre várias interrupções durante um dia, os administradores identificarão se o entrave ocorre por questões técnicas dos equipamentos, pela ociosidade dos colaboradores ou demora na troca de informações com outra área. Com a informação em mãos, pode-se fazer as mudanças necessárias para corrigir o problema.

Redução de custos

A economia de custos é alcançada quando os gestores passam a controlar melhor seus recursos, tornar o estoque mais enxuto, minimizar a quantidade de insumos necessários para produção, o diminui desperdícios.

Como também, a maior integração entre os setores os torna mais eficiente, o que otimiza as atividades dos colaboradores e aumenta o valor de cada hora laborada por eles.

Sistematização do processo produtivo

O PCP interliga todos os colaboradores de diferentes áreas ao mesmo planejamento operacional, o que faz com que os envolvidos estejam alinhados para alcançar os mesmos objetivos e metas, estejam sincronizados, entendam claramente o funcionamento do fluxo produtivo e saibam o papel de cada indivíduo que faz parte dele.

Como usar um sistema ERP no PCP?

Para implantar o PCP eficientemente, é necessário usar um Sistema de Gestão (ERP) feito especialmente para indústrias, como o desenvolvido pela Artsoft Sistemas, chamado Fenícia ERP, para micro e pequenas indústrias, ou até o SAP Business One para Médias e Grandes Empresas. Essa é uma tecnologia com a finalidade de otimizar a produtividade da organização, automatizar atividades burocráticas e ampliar controle pelos gestores.

Graças ao ERP, é possível ter uma visão ampla de toda a indústria e analisar minuciosamente seus processos, desde a captação dos materiais até a finalização do produto. Assim, o administrador consegue aplicar de todas as diretrizes do PCP no campo prático e aproveitar de seus benefícios.

Na prática, o sistema disponibiliza recursos como:

  • gestão de ordem de produção e seus prazos;
  • criação e aplicação de métricas (KPIs);
  • administração multi-estoque e multi-empresas;
  • gestão dos recursos e tempo de produção;
  • recomendação de compra de materiais, insumos e matéria-prima;
  • CRM para gestão de oportunidades e clientes; entre outros.

Ao aplicar minhas dicas e implementar um Planejamento e Controle de Produção (PCP), você conseguirá melhorar a qualidade e ampliar o volume de produção simultaneamente. Entretanto, será necessário utilizar um ERP para indústrias que seja especializado, complexo e flexível.

Quer conhecer melhor sobre a Fenícia ERP, suas funcionalidades, planos e outras informações? Então fale já comigo da Artsoft Sistemas e solucione suas dúvidas!

 

acompanhamento das ordens de produção, ERP, fichas técnicas de produtos, PCP


Marcos Leite

Cofundador da Artsoft, Head de Marketing & Vendas e Diretor da área de Projetos de implementação dos Sistemas de Gestão ERP.

artsoft-erp_logo-home
artsoft-erp_logo-home

Endereços:
Rua Fradique Coutinho 50 | 3° andar | Pinheiros | São Paulo
• Tel.:(11) 3090-4433
Rua México, 90 | 6° andar | Centro | Rio de Janeiro
Tel.: (21) 3216-9100


@Artsoft. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade
Feito por Agência de Crescimento

Default

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

%d blogueiros gostam disto: