Blog Artsoft Sistemas

Assine nosso blog e receba semanalmente materiais educativos sobre gestão e tecnologia para otimizar a administração da sua empresa:

Seu negócio está pronto para o Business Intelligence?

business intelligence banner

Em busca de um novo e efetivo agente de crescimento, muitos empresários se interessam pelo Business Intelligence (BI) e procuram conhecer melhor a ferramenta. Porém, nem sempre o gestor sabe se o seu negócio possui o que é necessário para a implantação do BI.

A adoção do sistema depende de pessoas, processos e outros recursos para que obtenha sucesso e faça a diferença no planejamento estratégico da empresa. Saiba, no post de hoje, se a sua organização está preparada para essa solução ou o que precisa fazer para contar com o BI. Confira!

 


Sua empresa possui um planejamento estratégico?

Como ferramenta de apoio a gestores e à tomada de decisões, o sistema de inteligência de negócios auxilia diretamente o planejamento estratégico, aperfeiçoando planos em execução e adequando ações previstas.

Assim, é fundamental que o empreendimento tenha esse planejamento documentado para que os insights e diagnósticos fornecidos pela plataforma sejam bem empregados. Caso contrário, boas respostas para processos internos ou externos podem acabar sendo mal geridas ou utilizadas.

O negócio tem metas estabelecidas?

Além de ações planejadas e modelo de atuação, números também são essenciais para o encaixe do Business Intelligence de forma eficiente no negócio. Por isso, metas definidas e um histórico delas são necessários já para um início da mineração de dados e da definição de métricas.

Alguém se dedicará ao projeto internamente?

Mesmo que o gestor contrate uma boa empresa para a implementação e para o acompanhamento do projeto de crescimento com BI, a figura interna ainda será importante. Só quem vive o cotidiano da empresa tem acesso a situações e dados abrangentes e importantes, que podem nunca chegar ao responsável externo pela plataforma.

Assim, dedique-se ao processo ou prepare algum funcionário da sua empresa para isso, exclusiva e permanentemente. Dessa maneira os resultados serão, certamente, melhores e mais rápidos.

Seus departamentos e os dados deles estão alinhados?

Com ou sem a implantação da ferramenta, não promover o compartilhamento de informações e não alinhar setores é sempre contraproducente. Fatores como falta de dados ou demora na passagem deles, não otimização da comunicação e não linearidade de processos desperdiçam tempo e dinheiro.

Para a introdução da plataforma, o trabalho e as informações de diferentes áreas do negócio precisamser cooperativase estar alinhadas, pois o desempenho ruim de um time pode afetar o outro. Nisso, uma análise de dados não integrada apenas mostraria um diagnóstico negativo — não revelaria a causa e não daria a solução de fato, o resultado real.

Sua empresa possui históricos?

É claro que o BI pode extrair informações e, a partir daí, iniciar as análises e fornecer números. Porém, o processo é otimizado quando há registros anteriores para avaliação e relacionamento de informações.

Você pode até não ter pareceres ou verdadeiros relatórios gerenciais, mas sempre é possível obter algum nível de informação pré-implantação — ainda que somente referente a fatores internos.

Seu negócio tem infraestrutura para a plataforma?

Agora falaremos de aspectos técnicos e físicos da ferramenta, os itens que gastam espaço, custam dinheiro para compra e instalação e dão alicerce para que o software funcione. São os hardwares que permitem a extração, a análise e a integração de informações  além da geração de respostas de forma rápida e eficaz, inclusive em tempo real.

Também podemos incluir aqui o responsável  ou a equipe de profissionais responsáveis  que garante a potência e a eficácia de hardwares e softwares.

Você está disposto a mudar seu modelo de gestão?

Ainda que você seja um gestor que não se baseia na intuição e nos acontecimentos apenas próximos — mantendo um planejamento estratégico minuciosamente executado —, você terá de adequar a forma como gerencia a empresa em função do apoio via Business Intelligence.

Por exemplo, se a plataforma revelar uma tendência de mercado que não dará espaço ao seu produto mais lucrativo e de fácil operação, você precisará deixá-lo de lado para investir na mercadoria ou no serviço que gerará resultados de fato. E mais do que isso, terá de confiar nos diagnósticos e números vindos da ferramenta — o que pode ser o mais difícil para todos os empresários: não questionar a autonomia da solução.

Além disso, seu modelo de gestão já consolidado (e que levou o seu negócio a crescer) pode se revelar aperfeiçoável em análises do BI. Então, precisará haver disposição para ceder e fazer uma mudança dessa relevância na cultura de tomada de decisões do negócio.

Seus indicadores de performance estão definidos?

Não há como saber se as metas são atingidas, se a sua empresa está crescendo e se o projeto de BI está fornecendo gráficos úteis sem que haja KPIs (Key Performance Indicators — “indicadores-chave de performance”).

Mesmo que seja possível perceber progresso e melhorias sem os indicadores de desempenho, estabelecê-los e acompanhá-los possibilita mais exatidão e rapidez para gestão e planejamento claros e facilitados.

Seus KPIs escolhidos são os corretos?

Não basta ter chaves de performance determinadas se você não sabe quais podem ser ignoradas e quais realmente são importantes. Mensurar tudo o que pode ser medido é contraproducente para o gerenciamento e não gera mais ou melhores respostas.

Acompanhar os números errados causa perda de diagnósticos importantes e de oportunidades de aperfeiçoamento no projeto de BI e na organização, operacionalmente.

Sua organização suporta um grande cronograma de implantação?

Implementar a solução leva alguns meses, podendo chegar até a metade de um ano. E isso envolve profissionais de TI, instalação de hardwares e softwares, migração e extração de dados, validação de informações, testes e treinamentos para você e seus funcionários.

Alguns pré-requisitos para a implantação até podem ser adquiridos ou ter resolução em meio ao projeto. No entanto, esta estratégia exige preparo, pois adotar o sistema mexe diretamente e de forma relevante no dia a dia do negócio, em sua estrutura e até na aplicação dos recursos humanos e financeiros.

O bom planejamento do projeto de Business Intelligence tem importância decisiva para facilitação e redução de custos na introdução da ferramenta e também no trabalho de mineração e análise de dados e seus resultados durante a execução. Pois qualquer erro ou ponto fraco deixado na plataforma  em algum de seus itens ou nas pessoas envolvidas  tem potencial para limitar a eficiência do processo.

E então? Depois de conhecer esses detalhes, você acha que seu negócio está pronto para contar com esse agente estratégico de crescimento? Compartilhe suas percepções ou deixe sua dúvida nos comentários!

CTA Intro ao ERP

Etiquetas: , , , ,

Deixe uma resposta:

artsoft-erp_logo-home

Soluções Inteligentes Lucros Rápidos

São Paulo: Rua Maria Aparecida do Amaral Godoi, 87, Jardim São Paulo.
Tel.: (11) 3090-4433
Rio de Janeiro: Rua México, 90 -  6 andar - Centro.
Tel.: (21) 3216-9100


Unidades de Negócio Artsoft: Artsoft Sistemas, Artsoft SAP & Artsoft Cloud

Default

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Fale Conosco
%d blogueiros gostam disto: