Blog Artsoft Sistemas

Assine nosso blog e receba semanalmente materiais educativos sobre gestão e tecnologia para otimizar a administração da sua empresa:

IaaS, SaaS e PaaS no conceito de cloud computing

Para quem não conhece, IaaS, SaaS e PaaS são os três principais modelos relacionados à computação em nuvem (cloud computing). Apesar de não se tratar de um assunto novo, são termos que costumam causar muitas dúvidas, especialmente em quem não tem muito contato ou conhecimento em tecnologia da informação.
No post de hoje iremos mostrar as características e diferenças entre cada um desses conceitos e de que forma eles se relacionam. Confira:

Read More

 IaaS

A IaaS (infrastructure as a service) ou infraestrutura como serviço nada mais é do que a capacidade de hardware que será contratada e disponibilizada através de um serviço virtual. Assim, a pessoa que contrata o serviço faz o controle e o gerenciamento sobre as suas máquinas virtuais, aplicativos instalados, armazenamento de dados, entre outras atividades.

Esse é um sistema bastante utilizado para a instalação de servidores e tem como grande vantagem a capacidade de atender a demanda que o seu sistema exige, seja ela grande ou pequena e sem perder no quesito qualidade – o que é essencial para qualquer empresa que trabalha com tecnologia da informação.

IaaS na nuvem:

Nuvem Pública

É o tipo de nuvem na qual a infraestrutura já é fornecida de forma gratuita, porém com um armazenamento limitado, mas com a possibilidade de compartilhar recursos e arquivos.

 

Nuvem Privada

Basicamente usa as mesmas características da nuvem pública, porém em um ambiente privado, que fica no Data Center da instituição. Assim, o acesso aos arquivos pode ser feito apenas com os servidores da empresa, trazendo maior privacidade e segurança, que é o grande diferencial desse tipo de nuvem.

 

Nuvem híbrida

Como já diz o nome, é uma aglutinação dos outros dois tipos de nuvem. Na prática, serve para atender a demanda de uma nuvem privada somando-se às vantagens da nuvem pública.

SaaS

O conceito de SaaS (software as a service) ou software como serviço é utilizado em praticamente todos os serviços da internet usados no dia a dia. Um exemplo são os motores de busca, como Yahoo, Bing, Google, entre outros. O webmail também é outro exemplo de utilização de SaaS.

Em SaaS, o cliente não tem a necessidade de se preocupar com a instalação do software, servidores e licenças de programas. O fornecedor do serviço já disponibiliza todo esse suporte ao cliente e o software é usado totalmente através da web. Em alguns casos, o cliente conta com serviços de instalação local como backup, antivírus, bancos de dados, entre outros.

Alguns serviços mais conhecidos que usam o SaaS em seus sistemas são o Google Docs, Sales Force e Gmail.

SaaS na nuvem:

Para que o SaaS seja de fato uma solução eficiente, ele precisa cumprir algumas definições importantes para a computação em nuvem como:

  • Gerenciamento de forma centralizada;

  • Acesso à aplicação totalmente via web;

  • O usuário não tem a necessidade de lidar com correções ou atualizações do aplicativo;

  • Ter API’s (Application Programming Interfaces) para se integrar com sistemas externos;

PaaS

A PaaS (platform as a service) ou plataforma como serviço é um tipo de ambiente computacional que funciona em camadas fornecendo soluções como um serviço completo.

A PaaS facilita bastante a implementação de aplicações computacionais de menor custo, gestão e complexidade. Através desta plataforma o cliente consegue todas as facilidades que precisa na construção e entrega de serviços via internet e também de aplicações web.

O PaaS, como muitos já devem imaginar, é sim um análogo ao SaaS. Porém, ao invés de entregar software pela web, o PaaS oferece toda uma plataforma completa para a hospedagem, criação e controle de um software.

PaaS na nuvem:

Em diversos provedores que utilizam o serviço de nuvem as principais características de PaaS que encontramos são:

  • Ferramentas simples para lidar com gerenciamento e faturamento de assinaturas;

  • Integração de serviços web e com outras bases de dados sem conflitos no sistema;

  • Segurança;

  • Vários usuários podem utilizar o mesmo aplicativo (mesmo tipo de nuvem), sem quaisquer tipos de prejuízo ou lentidão nos serviços.

Com a utilização de PaaS é plenamente possível desenvolver aplicações na nuvem de forma mais rápida e entregar um excelente trabalho final em tempo hábil, satisfazendo o cliente.

E aí, entendeu melhor como funcionam a IaaS, SaaS e PaaS no conceito de cloud computing? Entenda mais como o cloud computing pode beneficiar PME’s e comente com a gente suas dúvida e opiniões!

 

Etiquetas: , , , ,

Deixe uma resposta:

artsoft-erp_logo-home

Soluções Inteligentes Lucros Rápidos

São Paulo: Rua Maria Aparecida do Amaral Godoi, 87, Jardim São Paulo.
Tel.: (11) 3090-4433
Rio de Janeiro: Rua México, 90 -  6 andar - Centro.
Tel.: (21) 3216-9100


Unidades de Negócio Artsoft: Artsoft Sistemas, Artsoft SAP & Artsoft Cloud

Default

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Fale Conosco
%d blogueiros gostam disto: