Blog Artsoft Sistemas

Assine nosso blog e receba semanalmente materiais educativos sobre gestão e tecnologia para otimizar a administração da sua empresa:

Conquiste a excelência na gestão da produção da sua fábrica em 10 passos [GUEST POST]

 

 

A gestão da produção industrial é um assunto que está cada vez mais em alta, principalmente em tempos de crises, já que reduzir os custos de produção enquanto aumenta a produtividade de colaboradores e máquinas é necessário para alcançar o sucesso neste setor.

Porém, entendo que muitas indústrias tem dificuldade neste gerenciamento tão importante. Por isso, resolvi listar os 10 principais passos que uma indústria tem que realizar para alcançar a excelência em sua gestão da produção. Tenho certeza que se a sua equipe buscar cumprir estes objetivos, renderá um ganho muito grande na produtividade, gestão e organização da sua fábrica.

Read More

Você também pode ver estes passos na prática, no sistema Artsoft Industrial, assistindo o webinar 10 passos para excelência na gestão da produção

 

1º Passo: Tenha uma boa engenharia do produto

A boa engenharia do produto é um dos pilares da engenharia de produção e um conceito básico para alcançar a excelência na gestão da produção de uma fábrica. Para entender este conceito, irei utilizar como exemplo uma cadeira, já que é um exemplo simples e todos conhecem como funciona e mais ou menos como é construída.

Defina uma lista de materiais completa e precisa

Para começar, precisamos definir bem a lista de materiais que compõem a nossa cadeira. Para isso, você precisa planejar exatamente todos os componentes que serão necessários em todas as etapas de produção.

Divida seu produto em pedaços estruturais maiores e depois liste cada material necessário para construir estes pedaços. Por exemplo, podemos dividir nossa cadeira em 3 blocos: Braços, assento / encosto e estrutura giratória. A partir daí então listar cada material necessário para construir cada bloco, por exemplo, o braço precisa de 4 parafusos, 4 arruelas, 4 porcas e assim sucessivamente.

Crie um roteiro de fabricação

Depois de definir bem a lista de materiais, o próximo passo para uma boa engenharia do produto, é criar um roteiro completo que contemple todas as etapas para a fabricação do produto. Ou seja, um passo a passo que detalha, em ordem, tudo que tem que ser feito para fabricar seu produto.

Além disso, o ideal é definir os centros de trabalhoem que o produto irá passar em cada passo do roteiro e também quanto tempo irá demorar em cada uma dessas máquinas. Com isso, você saberá exatamente onde o produto irá passar no chão de fábrica e quanto tempo irá demorar em cada etapa. Isso será fundamental para você ter um bom planejamento da capacidade da sua fábrica futuramente.

2º Passo: Gere ordens de produção para atender à demanda da sua indústria

Para atender seus clientes com excelência e precisão, uma fábrica com a gestão da produção eficaz precisa emitir uma ordem de produção para cada combinação de produto e data de necessidade de forma a atender a demanda, seja ela firme ou prevista. Ou seja, utilizando o nosso exemplo da cadeira, caso nossos vendedores fechem um contrato com uma escola e a mesma queira comprar 200 cadeiras, você precisa gerar uma ordem de produção para produzir estas 200 cadeiras.

O documento da ordem de produção deverá conter todas as informações em relação ao projeto, detalhando exatamente sua lista de material completa, roteiro da produção e tempo de produção. Desta forma, você poderá aplicar conceitos do just in time, reduzindo seu estoque com matéria prima em excesso e também dará previsibilidade a seus clientes.

3º Passo: Controle a requisição dos materiais

A requisição de materiais é muito importante para uma boa gestão de estoque, já que sem ela, as chances de ocorrerem perdas e excessos no seu estoque são muito grandes. Após gerar a ordem de produção, você precisa utilizar a lista completa dos materiais necessários e separá-los para a produção.

O importante aqui é você ter um controle total dos materiais que já foram requisitados para a fabricação de alguma ordem de produção e saber diferenciá-los do restante do seu estoque. Desta forma, você terá controle de cada parafuso que estiver marcado para produção e saberá qual a situação atual do seu estoque de reserva.

4º Passo: Registre a produção realizada

Quando terminar de fabricar seu produto, é necessário criar um registro dessa produção, detalhando todos os materiais utilizados para que os mesmos sejam removidos do seu estoque de produtos em produção ou em processo. Gerando as ordens de produção, requisitados os materiais e depois registrando a produção efetuada de forma eficaz, sua indústria já estará pronta para controlar o estoque de produtos acabados, semi-acabados e matérias primas.

Estes passos são fundamentais para controlar a produção diária da indústria com agilidade e precisão, já que é comum ver indústrias que geram centenas de ordens de produção, sendo que cada uma pode ter mais de 100 materiais utilizados, totalizando milhares de movimentações no estoque por dia. Esse alto volume é justamente uma das principais dificuldades que as indústrias enfrentam para conquistar a excelência na gestão da produção.

5º Passo: Planeje sua produção com o MRP

O MRP ou Planejamento das necessidades de materiais tem como objetivo alcançar níveis ideais de estoque na sua produção. Para isso, você deverá montar um plano de produção atualizado, ou seja, transformar seus pedidos de venda e previsões de demanda em ordens de produção específicas para os produtos acabados.

Com essas informações, você poderá fazer o planejamento das necessidades de materiais para atender estas ordens de produção em diferentes quantidades e prazos diferentes. Ou seja, criar um plano de compras e utilização de materiais que vá atender sua produção no tempo e quantidade exatas. O Artsoft Industrialconsegue fazer isso de forma automática, facilitando seu trabalho e levando a gestão do seu estoque para o próximo nível.

6º Passo: Acompanhe seu chão de fábrica com o apontamento da produção

O próximo passo para alcançar a excelência na gestão da produção é implantar a cultura do apontamento da produção no chão de fábrica da sua indústria. Você precisa saber o que está acontecendo no chão de fábrica para conseguir medir a produtividade dos seus colaboradores, a produtividade das suas máquinas e acompanhar o andamento das suas ordens de produção.

O ideal é ter terminais de apontamento no seu chão de fábrica, onde seu supervisor de chão de fábrica ou até mesmo seus operadores poderão indicar quando estão produzido, quebras de máquinas e esperas, como por exemplo por ferramentas, documentos, materiais etc. Dessa forma, você poderá medir o desempenho da sua produção e tomar atitudes cabíveis para melhorá-lo. Além de poder criar uma cultura de meritocracia entre seus funcionários, oferecendo recompensas aos que tiverem os melhores desempenhos.

A produtividade tem um alto impacto no lucro de uma fábrica e você pode ter uma prévia deste impacto na sua fábrica baixando a planilha grátis para calcular o impacto da produtividade no lucro de uma indústria.

7º Passo: Programe toda sua produção

Com diversos pedidos de venda em mãos, você agora precisará criar a programação da produção para sua fábrica. A maneira eficaz de se fazer isso é planejando todas as ordens de produção com tempo e recursos que serão utilizados. Para visualizar esta programação melhor, o ideal é utilizar o gráfico de gantt, como no exemplo abaixo:

grafico-gantt

Esta programação fina das ordens de produção da sua fábrica é extremamente útil para garantir a satisfação dos seus clientes, pois depois de criá-la, você terá noção das ordens de produção que serão entregues dentro e fora do prazo. Ou seja, você poderá alterar prioridades de ordens de produção para evitar atrasos de um cliente muito importante por exemplo.

Além disso, é importante você fazer uma análise dos recursos críticos da sua produção. Isto é, analisar quais são os centros de trabalho que podem ser melhorados na sua produção, aumentando sua capacidade produtiva contratando mais mão de obra, comprando novas máquinas ou implantando culturas de produtividade.

8º Passo: Muita atenção na gestão de custos

A gestão de custos de produção é uma das principais dificuldades na gestão industrial e também é essencial para manter a saúde financeira da sua fábrica em dia e consolidar sua operação. Para manter sua fábrica viável financeiramente, você precisa estudar exatamente o custo de produção dos seus produtos, levando em conta diversos fatores que vão muito além do custo direto (ou seja, de matérias primas e mão de obra).

Apesar de parecer uma tarefa simples, a gestão de custos pode ser complexa e você precisa estudar bem este tema para evitar vender um produto com uma margem de lucro muito baixa ou ainda pior, com prejuízo.

O ideal aqui é buscar ajuda de um engenheiro de produção, que poderá auxiliar sua equipe neste cálculo e então utilizar um sistema de gestão para fazer a manutenção destes custos, adaptando mudanças de valores como impostos, matéria prima e mão de obra.

Para ajudá-lo a entender melhor esta questão, indico estes três artigos que abrangem mais este tema:

9º Passo: Faça inspeções de qualidade e gere certificados

Ter um produto de qualidade hoje em dia deixou de ser um diferencial para se tornar uma necessidade. Por isso é importante manter um controle rígido da qualidade dos produtos que sua fábrica irá produzir. Algumas fábricas tem uma necessidade maior por este tópico e seus clientes exigem certificados de qualidade.

Portanto, após produzir um determinado produto, faça uma inspeção de qualidade, onde o inspetor pode identificar e acusar conformidades e não conformidades. O ideal também é gerar um certificado de inspeção baseado na avaliação do inspetor, para assim garantir a qualidade do seu produto ao seu cliente.

10º Passo: Analise os dados e tome decisões baseadas em estatísticas

Depois de organizar sua produção, definindo a engenharia do produto, organizando o estoque, acompanhando a produção e medindo a qualidade, chegou a hora de medir o resultado disso tudo. Como já dizia o ditado “Quem não mede, não gerencia” a parte de análise de dados é o último passo para alcançar a excelência na gestão industrial da sua fábrica. Aqui você precisará de um sistema, como o Artsoft Industrial, para gerar painéis de indicadores de desempenho com os resultados da sua fábrica.

Com estes painéis, ficará muito mais fácil você administrar a massa de dados gerada pela sua fábrica e então tomar decisões que gerem resultados positivos impactantes na sua gestão industrial. Os painéis podem servir para aumentar a produtividade, aumentar a produção, produzir mais rápido, cumprir prazos de entrega e medir metas específicas da sua indústria. Você pode conferir mais sobre indicadores no artigo 5 objetivos de desempenho e indicadores escrito no blog industrial da Nomus.

Chegou a hora de agir, comece hoje mesmo

Agora que você sabe qual o caminho trilhar até alcançar a excelência na gestão da sua indústria, chegou a hora de agir. Não adianta de nada conhecer o caminho, mas acabar deixando para colocar estas ideias em prática depois. Sua indústria pode estar perdendo dinheiro neste momento e você precisa desbloquear toda a capacidade de produção da sua empresa.

Agende agora mesmo uma conversa com um dos analistas da Artsoft e veja na prática da sua indústria, como o Artsoft industrial simplifica estes passos e torna possível a excelência na gestão da produção. Clique aqui e agende agora mesmo.

Artigo escrito por: Pedro Parreiras , da Nomus.

Empreendedor Promessas Endeavor, Empreteco, Fundador da Nomus, Engenheiro de Produção pela UFRJ e Mestre em Engenharia de Produção pela COPPE, trabalha desde 2000 em projetos relacionados à gestão da produção, tendo tido contato direto em mais de 100 indústrias. Entre em contato com o Pedro: pedroparreiras@nomus.com.br

Etiquetas: , , , ,

Deixe uma resposta:

artsoft-erp_logo-home

Soluções Inteligentes Lucros Rápidos

São Paulo: Rua Maria Aparecida do Amaral Godoi, 87, Jardim São Paulo.
Tel.: (11) 3090-4433
Rio de Janeiro: Rua México, 90 -  6 andar - Centro.
Tel.: (21) 3216-9100


Unidades de Negócio Artsoft: Artsoft Sistemas, Artsoft SAP & Artsoft Cloud

Default

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

%d blogueiros gostam disto: