Autor: bruna

Grosso modo, os indicadores de desempenho são um recurso que o gestor possui para avaliar se os esforços e meios empregados nas atividades estão sendo suficientes para obter os resultados esperados.

Com eles, é possível acompanhar se os objetivos traçados no seu fluxo de caixa são alcançados e qual porcentagem de melhora, ou piora, no desempenho ocorreu quanto aos índices passados. Em outras palavras, mensura-se qualquer atividade que gere números ou valores para a empresa.

É possível analisar questões como a quantidade de acessos ao site, o volume de produtos em estoque, as receitas advindas de uma mercadoria, o número de funcionários que foram demitidos do empreendimento, entre outros.

Diante disso, e pensando em ajudá-lo, neste artigo apresentaremos os 9 indicadores de desempenho que são indispensáveis na gestão de uma empresa do varejo. Interessado? Então, continue lendo!

Continue lendo

Apesar de a gestão de estoque ser uma área operacional, seus resultados influenciam diretamente no desempenho da empresa, principalmente do ponto de vista financeiro — o que torna necessário fazer o controle e tomar decisões com um pensamento mais estratégico.

Nesse sentido, decidimos listar alguns pontos fundamentais, que precisam ser considerados na hora de tornar a gestão de estoque no varejo ainda mais eficaz. Continue com a leitura e entenda mais sobre o tema!

1. Tenha um registro rigoroso das movimentações

O primeiro passo para conseguir alcançar uma gestão de estoque no varejo eficiente é controlar bem todas as operações realizadas com os produtos. Isso envolve registrar as entradas, saídas, movimentações dentro do estoque, trocas e devoluções.

É importante separar bem cada uma dessas situações para evitar que aconteçam os chamados “furos” de estoque, além de permitir um acompanhamento mais preciso dos resultados — se toda devolução gera um registro de entrada, mas sem especificar que o produto está sendo devolvido, por exemplo, dificilmente você poderá calcular esse índice e saber como ele pode ser melhorado.

Continue lendo

Muitas empresas vêm apostando em uma nova forma de fidelizar clientes. Elas contam com a ajuda de um sistema de gestão que possibilita o conhecimento dos hábitos, necessidades e preferências do consumidor. O Customer Relationships Management — ou simplesmente CRM — é um software especializado cujo foco é o cliente. Veja, neste post, o que sua empresa precisa saber sobre o sistema de gestão de clientes e como implementá-lo em seu negócio. Vamos lá?

Os benefícios de um sistema de gestão de clientes

O CRM é muito mais que uma solução tecnológica que permite conhecer as informações sobre os clientes. Sua atuação se estende a três principais áreas da empresa: gestão de marketing, gestão de serviços e clientes e gestão comercial. Todos esses setores auxiliam na formação de um banco de dados sobre o público, fornecendo subsídios para processos de tomada de decisão.

Entre alguns benefícios do CRM, podemos citar:

  • Visão clara e atualizada das informações dos clientes;
  • Diminuição do custo de aquisição de clientes;
  • Aumento do retorno sobre o investimento das campanhas de marketing e vendas;
  • Monitoramento das vendas e da produtividade dos vendedores;
  • Controle sobre o que o cliente comprou;
  • Desenvolvimento de soluções rentáveis para obter a fidelização dos clientes a prospecção de novos.

Como avaliar a necessidade de um sistema de gestão

O uso do CRM está em grande parte aliado às necessidades da empresa e ao que os clientes precisam. Antes de tomar qualquer decisão é necessário conhecer o ponto de vista e o perfil de cada cliente em relação à empresa.

Uma dica importante para saber o que os clientes estão buscando é manter um contato direto com a equipe de vendas, que poderá fornecer informações importantes, acelerar os processos de levantamento dos dados dos clientes e alavancar o faturamento.

Antes de implantar o CRM é imprescindível reunir o maior número de informações, ou seja, é preciso conhecer e entender a própria empresa e qual a relação dela com os clientes. As informações levantadas é que definirão o funcionamento do CRM. Quatro tipos básicos de relação empresa versus cliente podem ser levantados e posteriormente analisados para saber qual deles se enquadra nas necessidades do negócio: preço, produto, necessidade do cliente ou no quanto o cliente está disposto a pagar.

Quem usará o CRM

O software CRM não deve apenas ser uma ferramenta importante para gestores e líderes, é preciso que todos dentro da empresa estejam envolvidos na sua utilização. Além disso, é fundamental que tenham em mente que grande parte do sucesso de um negócio está relacionada com a satisfação do cliente e da forma como as informações de consumidores podem ser utilizadas a favor da empresa.

Os modelos do sistema de gestão de clientes

No mercado, existem diversos softwares CRM à disposição. Geralmente eles estão agrupados da seguinte forma:

  • Software de escritório: uma planilha bem estruturada que pode ser usada no processo de coleta de informações dos clientes com o intuito da montagem de um banco de dados. A grande deficiência deste tipo é a falta de ferramentas e possibilidades de compartilhamentos, além da limitação de recursos, seja para relatórios, tomada de decisão e planejamento. O software de escritório é limitado a planilha e ao lançamento de informações, nada além disso. Ideal para pequenas empresas;
  • CRM interno: indicado para pequenas e médias empresas, uma vez que possibilita a comunicação entre os envolvidos (clientes) no processo de coleta de informações e gera resultados de acordo com as necessidades. Contudo, na medida que os negócios forem evoluindo o ideal é migrar para o SaaS;
  • SaaS: informações poderão ser armazenadas na “nuvem”, por meio de um servidor remoto. Empresas de grande porte e com um grande número de funcionários são as que mais se beneficiam com este modelo, o que gera maior controle de custos e maior flexibilidade.

Agora que você já sabe como escolher um sistema de gestão de clientes para sua empresa, conte para a gente: você pretende implementar um CRM em seu negócio? De que maneira? Deixe um comentário.

Read More

Novos Prazos do NFC-e!


Atenção aos novos prazos!

 

1. Prazos para contribuintes optantes por Simples Nacional com receita bruta anual auferida no ano-base 2014 superior a R$ 1.800.000,00; e demais regimes de apuração distintos do regime de confronto entre débitos e créditos, independentemente da receita bruta anual auferida, inclusive os previstos no Livro V do RICMS/00:

  • Data de implantação:
    1º de janeiro de 2016.
  • Data a partir da qual não será concedida nova autorização de uso de ECF:
    Data do credenciamento ou 1º de janeiro de 2016.

  • Data a partir da qual não poderá ser emitido Cupom Fiscal:
    Dois anos após o credenciamento ou 1º de janeiro de 2018.

  • Data a partir da qual não poderá ser emitido NFC (mod. 2):
    Data do credenciamento ou 1º de janeiro de 2018, salvo se comprovar operação fora do estabelecimento, quando poderá utilizar até 31 de dezembro de 2018.

2. Prazos para contribuintes optantes pelo Simples Nacional com receita bruta anual auferida no ano-base 2014 superior a R$ 360.000,00:

  • Data de implantação:
    1º de julho 2016.
  • Data a partir da qual não será concedida nova autorização de uso de ECF:
    Data do credenciamento ou 1º de julho 2016
  • Data a partir da qual não poderá ser emitido Cupom Fiscal:
    Dois anos após o credenciamento ou 1º de julho 2018.
  • Data a partir da qual não poderá ser emitido NFC (mod. 2):
    Data do credenciamento ou 1º de julho 2018, salvo se comprovar operação fora do estabelecimento, quando poderá utilizar até 31 de dezembro de 2018.

3. Prazos para os demais contribuintes:

  • Data de implantação:
    1º de janeiro 2017.
  • Data a partir da qual não será concedida nova autorização de uso de ECF:
    Data do credenciamento ou 1º de janeiro 2017.
  • Data a partir da qual não poderá ser emitido Cupom Fiscal:
    Dois anos após o credenciamento ou 1º de janeiro de 2019.
  • Data a partir da qual não poderá ser emitido NFC (mod. 2):
    Data do credenciamento ou 1º de janeiro de 2019, salvo se comprovar operação fora do estabelecimento, quando poderá utilizar até 31 de dezembro de 2018.

 

Programe-se

Acompanhe o cronograma de implantação da NFC-e e evite multas e irregularidades em sua empresa:

Captura de Tela 2015-12-01 as 15.51.35

 

Saiba mais sobre a NFC-e

Acesse aqui o documento desenvolvido pela Secretaria da Fazenda do Estado do Rio de Janeiro, que aborda as principais dúvidas relacionadas ao Cupom Fiscal Eletrônico (NFC-e).

Read More

Você, comerciante do estado de São Paulo, tem que ficar atendo a novalegislação para emissão decupons fiscais.

SAT-CF-e, como funciona? Quais osbenefícios? O que muda no seu comércio?!

  • O que é o SAT-CF-e?
  • Quando e como posso começar a utilizar o cupom fiscal eletrônico?
  • O que muda para minha loja e para o consumidor? 

Ao vivo em: 22 de outubro de 2015
Horário: 10:30h às 11:00h
Inscrições: http://goo.gl/CcoiYM

Read More

Com o aumento do volume de dados e a redução de tempo para que o gestor possa tomar uma decisão, o reconhecimento do valor estratégico existente no conjunto de dados aumenta cada vez mais. Para explorar, da melhor forma possível, as informações geradas na empresa, um conjunto entre o sistema ERP e BI é a melhor alternativa disponível.

No post de hoje, nós vamos mostrar para você como essas duas ferramentas atuam e o que esperar da implementação desses dois sistemas em sua empresa em termos de melhores resultados. Continue conosco e confira!

Continue lendo

O call center é uma ferramenta importante na construção do relacionamento entre a empresa e cliente. É através dele que muitos clientes tiram dúvidas sobre os produtos e serviços da companhia, faz alterações de plano e até mesmo a realização de novas compras.

Mas como otimizar o atendimento de um call center para que ele seja ainda mais efetivo? Quais ações devo realizar para que o relacionamento com o cliente seja plenamente satisfatório? Um sistema de CRM pode ser a ferramenta ideal para ajudá-lo neste processo! Entenda no post de hoje como o CRM pode melhorar o serviço do seu call center. Acompanhe:

 

O que é CRM?

O Customer Relationship Management (CRM), que pode ser traduzido como Gestão do Relacionamento com o Consumidor, é uma estratégia de negócio que visa colocar o cliente como o centro das atenções, fazendo com que os colaboradores antecipem as suas necessidades, tornando o atendimento cada vez mais eficiente.

Para facilitar a gestão dos dados existem os sistemas de CRM, capazes de controlar e gerenciar todas as informações dos seus consumidores. Estes dados são importantes, pois com eles em mãos é possível determinar se o cliente está próximo de adquirir um outro produto, se ele possui algum problema para resolver ou até mesmo se está com um comportamento que indica um possível cancelamento (quando você dispõe de serviços de assinaturas).

Mas, quais são os benefícios de utilizar um sistema de CRM em um call center?

Diminui o tempo de duração das chamadas

A duração das chamadas de um cliente depende de vários fatores, mas o principal é o tempo usado para coletar os dados do cliente e entender qual é o problema que ele procura resolver.

Com um sistema de CRM, é possível visualizar todas as informações importantes de um cliente já no primeiro contato, municiando o atendente com as informações necessárias para a resolução do problema de forma ágil.

Aumenta a produtividade e a eficiência de sua equipe

O tempo médio de atendimento é uma métrica importante para um setor de call center, pois determina a quantidade de ligações que sua equipe é capaz de realizar por dia. Nesse sentido, ao diminuir o tempo utilizado na coleta de informações de seu cliente você aumenta a produtividade de sua equipe, permitindo que mais ligações sejam atendidas por dia.

Lembre-se de que uma das reclamações mais comuns dos clientes é a necessidade de explicar o seu problema novamente sempre que um atendente diferente o atende. Com um sistema de CRM, é possível eliminar este tipo de problema, melhorando até mesmo a imagem de sua empresa para o consumidor.

É possível melhorar outros processos da empresa

Além de tornar o serviço de atendimento mais eficiente, um sistema de CRM permite identificar falhas em outros setores da empresa. Imagine que grande parte de seus clientes entre em contato com as mesmas dúvidas sobre o seu serviço? Talvez sua equipe de vendas precise reforçar estas informações aos novos clientes. Identificou um número grande de reclamações sobre a instalação? É um sinal de que sua equipe de manutenção precisa receber um novo treinamento.

Estas são apenas algumas das vantagens e benefícios que um sistema de CRM pode oferecer para o seu call center. Com o software você reduz custos, aumenta a produtividade de seus atendentes e garante a satisfação de seu cliente, que se sentirá feliz por conta de seu atendimento rápido e objetivo.

E você, está pensando em aplicar um sistema de CRM no seu call center? Tem alguma dúvida sobre a sua implementação? Compartilhe-a com a gente. Nós podemos te ajudar! Continue navegando aqui no blog e fique de olho em mais dicas sobre o assunto!

 

 

 

Read More

Entenda neste webinar exclusivo o que é nota denegada e qual o seu impacto nos negócios.
Confira os tópicos abordados: 

  • O que é nota denegada?
  • Como verificar sua situação fiscal junto à SEFAZ?
  • Como validar a condição do seu cliente na SEFAZ?
  • Como tratar uma nota denegada em um sistema de gestão ERP?

Data: 13 / 08 / 2015 (quinta)
Horário: 10:30h às 11:00h
Inscrições: http://promo.artsoftsistemas.com.br/nota-fiscal-denegada

Read More

Entenda neste webinar exclusivo o que é nota denegada e qual o seu impacto nos negócios.
Confira os tópicos abordados: 

  • O que é nota denegada?
  • Como verificar sua situação fiscal junto à SEFAZ?
  • Como validar a condição do seu cliente na SEFAZ?
  • Como tratar uma nota denegada em um sistema de gestão ERP?

Data: 13 / 08 / 2015 (quinta)
Horário: 10:30h às 11:00h
Inscrições: http://promo.artsoftsistemas.com.br/nota-fiscal-denegada


Assista esta demonstração online e aprenda a evitar multas enviando seu arquivo do SPED Fiscal corretamente:

>> Confira os pontos de atenção nos processos deentrada e saída de notas fiscais, cadastros e configurações de impostos;

>> Saiba como gerenciar isso dentro de umsistema de gestão e evitar retrabalhos;

>> Entenda como o procedimento de envio do SPED Fiscal torna-se muito mais simples depois de aplicar estas dicas.

Ao final do evento, fale com nosso palestrante e tire suas dúvidas!!!

Data: 05 / 08 / 2015 (quarta)
Horário: 14:30h às 15:00h
Inscrições no link: http://promo.artsoftsistemas.com.br/webinar-sped-fiscal

Read More

  • 1
  • 2
artsoft-erp_logo-home

Soluções Inteligentes Lucros Rápidos

São Paulo: Rua Maria Aparecida do Amaral Godoi, 87, Jardim São Paulo.
Tel.: (11) 3090-4433
Rio de Janeiro: Rua México, 90 -  6 andar - Centro.
Tel.: (21) 3216-9100


Unidades de Negócio Artsoft: Artsoft Sistemas, Artsoft SAP & Artsoft Cloud

Default

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui officia deserunt mollit anim id est laborum.

Fale Conosco